TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Combate às chamas na mata do Parque Nacional da Serra dos Órgãos avança pelo segundo dia - Editoriais - Band News FM

Meio Ambiente

Texto:
+
-

Combate às chamas na mata do Parque Nacional da Serra dos Órgãos avança pelo segundo dia

O trabalho do Corpo de Bombeiros vai continuar durante esta quinta-feira (6)

Por Caroline Lacerda, às 17:48 - 05/08/2020 | Atualizado às 23:55 - 05/08/2020

00:00 / 00:00

Dos cinco pontos de incêndio identificados nesta terça-feira (5), quatro já foram controlados (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)

O fogo que atinge a área da mata do Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Petrópolis, já consumiu cerca de 100 hectares, o equivalente a 100 campos de futebol.

O combate ao incêndio vai continuar durante esta quinta-feira (6).

O planejamento do Corpo de Bombeiros foi ampliado para conseguir apagar as chamas que atingem o parque na Região Serrana do estado desde terça (4).

Ouvintes da BandNews FM viram os focos de incêndio em diversos pontos do Rio.

Mais de 70 profissionais, incluindo bombeiros militares, brigadistas e agentes de órgãos externos trabalham em três frentes para apagar o fogo na área de proteção ambiental.

A operação contra com o apoio de 16 viaturas e uma aeronave.

Participam da ação o Instituto Estadual do Ambiente, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Defesa Civil e Guarda Civil de Petrópolis.

Nota dos Bombeiros:

“Pelo segundo dia consecutivo, o Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) atua no combate a um incêndio florestal de grandes proporções que atinge o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Parnaso), em Petrópolis. Causas não são definidas pela corporação, a quem cabe o combate às chamas e o salvamento a possíveis vítimas.

Mais de 70 profissionais, incluindo bombeiros militares, guarda parques, brigadistas e agentes de órgãos externos trabalham em três frentes para extinguir as chamas na área de proteção ambiental da Região Serrana. A operação contra com o apoio de 16 viaturas e uma aeronave.

Participam da ação Inea (Instituto Estadual do Ambiente), ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) Defesa Civil e Guarda Civil de Petrópolis.

 Para extensão da área atingida, sugiro contato com órgãos ambientais.

Mediante análise de cenário, o trabalho tende a continuar nesta quinta-feira (06.08).”

NEWSLETTER
OU