TRANSPORTES

Metrô Bom
Navio Bom
Trem Bom
Avião Bom
Polícia abre investigação para apurar denuncia de que militares estão invadindo casas de comunidades do Complexo de Isreal - Editoriais - Band News FM

Polícia

Texto:
+
-

Polícia abre investigação para apurar denuncia de que militares estão invadindo casas de comunidades do Complexo de Isreal

O porta-voz da PM, Coronel Ivan Blaz, reforça a necessidade dos moradores fazerem as denúncias de forma oficial

Por Aghata Meirelles, às 14:55 - 27/10/2021

00:00 / 00:00

Nesta terça-feira, moradores fizeram um protesto contra a ocupação da polícia na região (Foto: Agência Brasil)

A Polícia Militar abriu uma investigação para apurar a denuncia de moradores do Complexo de Israel, na Zona Norte do Rio, que relatam que militares estão invadindo casas de comunidades da região.

Moradora do bairro Parada de Lucas, Tamires Oliveira, de 27 anos, afirma a casa dela foi invadida dois dias seguidos. Ela mora no local com os dois filhos, de 2 e 9 anos, e afirma que os agentes reviraram os pertences do imóvel.

Diante da denúncia, a Polícia Militar afirmou que vai apurar o caso. O porta-voz da PM, Coronel Ivan Blaz, reforça a necessidade dos moradores fazerem as denúncias de forma oficial.

Um video feito pela moradora que denunciou o caso à Bandnews FM mostra eletrodomésticos e outros itens no chão. A geladeira ficou aberta e revirada, as panelas e objetos de cozinha espalhados e as roupas dos moradores da casa foram jogadas no chão.

Nesta terça-feira, moradores das comunidades fizeram um protesto contra a ocupação da polícia na região e supostos abusos dos agentes. Há mais de um ano, o local é dominado por traficantes que aproveitaram o periodo da pandemia, para expandir os domínios na região dos bairros que hoje formam o Complexo de Israel.

O conjunto de favelas é dominado pelo traficante Álvaro Malaquias Santa Rosa, conhecido como Peixão, de 34 anos. O criminoso tem 35 anotações criminais. Ele já foi investigado, indiciado, denunciado mas até hoje não foi preso.

As ações do bandido chamaram a atenção dos investigadores, já que o criminoso costuma exibir símbolos do Estado de Israel, como a bandeira do país e até a Estrela de Davi em pontos das comunidades para demarcar o domínio.

NEWSLETTER
OU